quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Os grupos minoritários do Vietnã estão famintos pelo evangelho

 
  Sobre o Vietnã


 VIETNÃ (17º)
 Os cristãos no Vietnã estão sendo submetidos a uma crescente perseguição.
 As comunidades cristãs históricas experimentam prisões e captura de terras pelas autoridades.
 Convertidos ao cristianismo de origens budistas ou étnico-animistas enfrentam a perseguição mais forte, que vem não só das autoridades, mas também de famílias, amigos e vizinhos.
 Os crentes cristãos protestantes tendem a se reunir em igrejas-casas, e seus membros enfrentam discriminação em vários níveis da sociedade.
 A Igreja Católica é, de longe, a maior comunidade cristã do país, mas o governo a vê como ligada a potências estrangeiras e como um remanescente dos dias da colônia francesa.
 Em 18 de novembro de 2016, o governo comunista adotou uma nova Lei de Crença e Religião, que limita a liberdade de religião consideravelmente.
 Para ficar com os crentes perseguidos no Vietnã, Portas Abertas fornece-los com treinamentos para os trabalhadores do ministério, programas de discipulado, distribuição de literatura e bíblia, treinamentos de alfabetização, advocacia e muito mais.


Líder: Presidente Tran Dai Quang
Governo: Estado comunista
População: 95.415.000 (8.368.000 cristãos)
Religião principal: budismo
Perseguição Nível: Muito alto
Fonte da perseguição: Opressão Comunista, Antagonismo Étnico



Postado: 16 de fevereiro de 2017

0 comentários:

Postar um comentário

DINAMI: Dia Nacional de Missões

DINAMI: Dia Nacional de Missões

Janela 10/40 O Maior Desafio Missionário da Atualidade.

Janela 10/40 O Maior Desafio Missionário da Atualidade.

Seguidores

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More