Igreja Sede| Eliã Oliveira louva ao Senhor no culto de Santa Ceia

O culto de Santa Ceia desta terça-feira (04) realizado na Igreja Sede da Assembleia de Deus em Alagoas teve o louvor da cantora pernambucana Eliã Oliveira. O pastor José Lealson ministrou a mensagem bíblica da...

Pr. José Orisvaldo Nunes: “Se você está atravessando o Vale, saiba que Deus cuidará de ti!”

O pastor-presidente José Orisvaldo Nunes de Lima foi usado por Deus na ministração da Palavra durante o Culto de Doutrina desta terça-feira (20) no templo-sede da Assembleia de Deus em Alagoas. Após a mensagem, foi feito o convite àqueles que estavam...

500 Anos da Reforma Protestante| Centenas de evangélicos participaram dos Seminários no interior

Cumprindo mais uma rodada de seminários sobre os 500 Anos da Reforma Protestante, as cidades de Arapiraca, Dois Riachos, Porto Calvo e Rio largo sediaram o evento no último sábado (17). Os assembleianos lotaram as igrejas para...

Americano preso morre na Coreia do Norte

A família de Otto Warmbier, cristão de 22 anos, confirmou seu falecimento no dia 19 de junho, apenas uma semana depois de ser libertado – em coma – após 15 meses de prisão na Coreia do Norte. Leia a matéria sobre a...

O único lugar onde podíamos adorar

O vento afiado e o frio sopravam na cela da prisão, mas Hea-Woo dificilmente podia senti-lo. Ela dificilmente podia sentir qualquer coisa. “Eu estava dentro das horas da morte; doente, desnutrida e congelada por causa das condições deploráveis da cela da prisão. Eu não pensei que estaria viva para...

Camboja deve construir 500 novas igrejas, após se libertar da repressão comunista

Dezenas de pastores se aglomeraram em torno de Hun Sen, com os smartphones estendidos, engajados para comemorar o primeiro encontro do primeiro-ministro cambojano com os cristãos...

sábado, 29 de abril de 2017

Deus está usando meu passado para se conectar com muçulmanos

 

 INDONÉSIA (46º)
O ISIS, devido à sua marca especial de islamismo moderado e diverso, foi quebrado quando um ataque contra um café em Jacarta em janeiro de 2016 custou sete vidas.
 Os grupos radicais islâmicos continuam a colocar sérios desafios, especialmente quando ligados a movimentos internacionais.
  A maioria dos cidadãos não está interessada em questões de religião ou minorias (como foi demonstrado por uma pesquisa publicada em maio de 2016), em vez disso eles estão mais preocupados com rápidas melhorias econômicas.
 O governo está levando a sério a luta contra os extremistas: Em julho de 2016, matou o líder do Mujahedin Indonésio Oriental (MIT), "Santoso", no centro de Sulawesi.

Líder: Presidente Joko Widodo
Governo: República
População: 249,9 milhões (36 milhões de cristãos)
Religião principal: islamismo
Perseguição Nível: Alto
Fonte da perseguição: Extremismo islâmico

Postado: 29 de abril de 2017

Pastores aprovam a Declaração de Fé das Assembleias de Deus


 No segundo dia de 43ª AGO, convencionais se reuniram em plenária para definir o futuro da denominação 


Após o recesso para o almoço, os convencionais retomaram as plenárias neste segundo dia de 43ª AGO. Pastor José Wellington Bezerra da Costa iniciou os trabalhos com uma palavra de oração. Em seguida, todos os presentes entoaram o hino 305 da Harpa Cristã.

 Pastor Sebastião Rodrigues fez a oração em favor do pastor Elienai Cabral, preletor da tarde, que ministrou a Palavra sob o tema “A fé precede a graça”, baseada em Efésios 2.8. Ele cumprimentou a todos os convencionais e o presidente da mesa diretora e disse que esta convenção objetivou uma temática teológica que prestigia a teologia pentecostal. “Um tema que coincide com os 500 anos da Reforma Protestante. ‘Salvação e livre arbítrio’ é um assunto necessário, principalmente devido à dificuldade de algumas pessoas em entender o assunto. A Assembleia de Deus não poderia ficar de fora dessa comemoração”.

 Após a ministração da Palavra, pastor José Wellington convidou a todos para agradecerem a Deus pela mensagem bíblica explanada pelo pastor Elienai Cabral.

 Na sequência, o pastor Percy Fontoura (PR) orou para que as discussões da plenária fossem abençoadas, com mente aguçada e aumento de paz, e que em tudo quanto acontecer o nome de Deus seja exaltado.

 Pastor Douglas Baptista discorreu acerca do "Cremos" da denominação. A comissão formada por 18 integrantes, conforme deliberada pela manhã, se reuniu no período das 11h30 às 14 horas com debates com os propositores de acréscimos e alterações. Houve pequenas alterações. Ao final, a Declaração de Fé foi aprovada integral e unanimemente.

 Após a aprovação da Declaração de Fé, foi dada a palavra ao pastor Isael de Araujo para falar acerca do Concurso Bíblico Nacional promovido pela CPAD, denominado "Crente Bom de Bíblia". O concurso está dividido em três categorias: adolescentes (13 a 17 anos), jovens (18 a 25 anos) e adultos (a partir de 26 anos).

 Para participar, os interessados devem se inscrever através do site do concurso até o dia 10 de julho. Todos os presentes receberam um folder com todas as informações sobre o Concurso que vai premiar os assembleianos com maior desenvoltura no manuseio das Escrituras Sagradas. O primeiro lugar entre os adolescentes vai ganhar uma bolsa de estudos do curso de idiomas de sua escolha e um kit contendo todas as Bíblias da CPAD. Nas categorias jovens e adultos, os dois vencedores vão ganhar uma viagem para Israel e um kit contendo as Bíblias da editora.

 União estável O presidente da CGADB, pastor José Wellington Bezerra da Costa, deu início aos debates sobre União Estável. Ele passou a palavra para o pastor Abiezer Apolinário, presidente da Comissão Jurídica da CGADB, que falou da necessidade de colocar em pauta, de acordo com o Estatuto da CGADB, temas que visam atuar na manutenção dos princípios morais e espirituais da AD. “Quando foi promulgada a nova Constituição do Brasil, em 1988, em seu artigo 126 parágrafo 3 está escrito, para efeito da proteção do estado, que é reconhecida a união estável entre o homem e a mulher, devendo a lei facilitar a sua conversão em casamento”. Segundo o pastor Abiezer, “temos não somente a lei dos homens, mas a Bíblia Sagrada como regra de fé. Essa questão da União Estável é uma polêmica que aflige muitos servos de Deus por todo o país. Enfrentamos tempos difíceis e precisamos colocar um limite”, destacou o pastor.

 Após debate entre os pastores e a mesa diretora, a conclusão do tema ficou para ser decidida na plenária que acontece nesta quinta-feira (27), a partir das 9 horas.
 



Postado: 29 de abril de 2017

Culto de Doutrina na igreja sede tem mensagem sobre o valor da obediência

 
 Ao final do culto, um jovem aceitou a Cristo como salvador


Maceió - AL
O culto de doutrina desta terça-feira (25) no templo-sede da Assembleia de Deus em Alagoas teve uma boa mensagem ministrada pelo pastor-presidente José Orisvaldo Nunes de Lima sobre o valor da obediência aos princípios bíblicos e as consequências das transgressões. A noite teve a participação especial da União de Jovens do José Tenório e da Messiah Big Band, que abrilhantaram a noite com hinos de louvor a Deus.

 Na mensagem, o pastor-presidente partiu do estudo sobre a Porta Velha de Jerusalém, que representa as doutrinas e tradições divinamente inspiradas, para falar sobre o valor da obediência a Deus e às Sagradas Escrituras. Ele destacou a Bíblica como maior fonte de sabedoria e conhecimento para nós cristãos.

 “Por mais que conheçamos as Sagradas Escrituras e tenhamos comunhão com Deus, estamos sujeitos a abandonar os princípios bíblicos e cometer erros. Por isso, não podemos viver segundo nossa vontade, mas de acordo com as ordens de Deus, tendo firmeza e convicção de nossas decisões”, explicou.

 O ministro usou ainda o exemplo do Rei Davi para alertar sobre as consequências das transgressões, uma vez que Davi sofreu influência dos filisteus e desejou estabelecer seus costumes em Israel, o que resultou em decepção e infelicidade para si.

 “Davi achou que a lei de Deus estava antiquada e resolveu fazer coisas novas de acordo com seu próprio entendimento, o que trouxe apenas lágrimas e revolta à sua vida. Não se dobrem diante dos filisteus, mas continue levando a Arca da Aliança em seus ombros, pois nossa fé está baseada unicamente nos mandamentos do Senhor da Igreja, que é Jesus Cristo”, afirmou o pastor.

 Após a mensagem, foi feito o convite àqueles que estavam afastados dos caminhos do Senhor e, para a glória de Deus e a felicidade dos presentes, uma pessoa se rendeu aos pés de Cristo.



Postado: 29 de abril de 2017

Como vivem os cristãos na Arábia Saudita

 
 Mesmo correndo risco de morte, o número de novos cristãos cresceu bastante, principalmente por causa da revolução da internet


 Arábia Saudita
O país que é conhecido como o “berço do islã” abriga os dois santuários mais sagrados da religião, em Meca e Medina. Por lá, quem se decide pelo cristianismo enfrenta grandes desafios, começando pela sharia, que é a base da Constituição do país, e que dita à população que “se converter a qualquer outra crença que não seja o islã é um crime punível com a morte”. A Arábia Saudita é o único país do mundo onde “oficialmente é proibido ter igrejas”. Todos os sauditas são considerados muçulmanos e, para as famílias tradicionais, uma conversão ao cristianismo é considerada uma vergonha e também um escândalo.

 Mesmo correndo risco, o número de novos cristãos cresceu bastante, principalmente por causa da revolução da internet, que é uma das principais fontes para se obter materiais cristãos. A cultura juvenil também está mudando bastante sob a influência da TV via satélite e das mídias sociais. Os cristãos estrangeiros encontram-se discretamente em pequenos grupos na maioria das grandes cidades, o que as vezes é permitido, mas alguns já foram presos por conta disso.

 Em outubro do ano passado, 27 cristãos de origem libanesa, entre eles mulheres e crianças, foram presos por participar de um evento religioso realizado na Arábia Saudita. A polícia religiosa invadiu suas casas, perto de Meca, e os levou para a prisão, acusando-os de “realizar orações cristãs” e por “posse de Bíblias”. Os cristãos perderam seus vistos e foram deportados para o Líbano em seguida. O reino saudita se orgulha muito da sua identidade islâmica e também pelo fato de liderar o mundo muçulmano. Mas a comunidade internacional critica severamente essa nação por suas punições bárbaras, açoitamentos, amputação de mãos e decapitações feitas em público. Ore pelos cristãos perseguidos na Arábia Saudita.

 Leia também
Cristãos são acusados por “posse de Bíblias e oração”
Governo lança o ambicioso plano “Visão Arábia 2030”



Postado: 29 de abril de 2017

Cristão perseguido encontra força na igreja

 
 Ele perdeu tudo o que tinha para seguir a Cristo, mas ganhou alegria e novos irmãos


África
 Assista o testemunho completo no vídeo abaixo e junte-se a nós em oração pela Igreja Perseguida na África. Cadastre sua igreja no DIP!


No Leste da África, deixar o islamismo por Jesus Cristo têm grandes consequências. Mas, apesar disso, o número de cristãos ex-muçulmanos tem aumentado muito. Há pouco tempo, a Portas Abertas esteve na região para auxiliar cristãos perseguidos e conheceu Awel*, ex-líder muçulmano que enfrenta o impacto de sua decisão.

 Certo dia, quando estava muito doente, Awel foi visitado por um grupo de cristãos no hospital. Ali ele ouviu o evangelho e entregou sua vida a Jesus Cristo. Suas dores passaram e o longo período de doença acabou. Mas a perseguição veio em seguida e Awel foi insultado e agredido por seus familiares. Pouco tempo depois, também perdeu a esposa e os filhos. Ainda assim, ele persevera na fé.

 Awel se sente privilegiado em fazer parte do corpo de Cristo e é muito agradecido pelo apoio dos irmãos e da Portas Abertas. “A melhor cura é a cura da alma. A salvação juntou todos nós: vocês de fora, irmãos do meu país e da minha região. Encontrar a Jesus me trouxe para a igreja para ter comunhão com outros cristãos. Isso é maravilhoso!”, afirma ele.

 *Nome alterado por motivo de segurança.


Postado: 29 de abril de 2017

Ore pelos cristãos que foram presos durante uma reunião

 
 Líderes cristãos foram presos durante uma reunião secreta e ainda não foram libertados; autoridades legais podem iniciar um processo criminal contra eles


 Ásia Central
Em um dos países que enfrentam a perseguição religiosa, na Ásia Central, durante um encontro secreto entre cristãos, quatro líderes foram presos durante quinze dias, acusados de “organizar reuniões ilegais”. Suas esposas receberam multas de valores altíssimos. Mas esse não foi um acontecimento isolado, pois em poucos meses eles já foram presos quatro vezes.

 Isso significa que as autoridades legais têm poder para iniciar um processo criminal contra eles e a punição pode ser muito pior. Recentemente, duas das esposas estiveram na prisão para visitá-los e também para levar alguns itens básicos (escova de dente, roupas e alimentos), mas os policiais as impediram de entrar.

 O diretor do presídio permitiu apenas que elas deixassem os artigos de higiene. Elas não conseguiram falar com eles, por isso não há notícias sobre suas condições físicas. Todas as famílias envolvidas estão muito tristes e confusas, porque eles podem ficar presos durante muito mais tempo que o previsto.

 Pedidos de oração

 Interceda pelos líderes cristãos que estão presos e não podem receber visitas. Peça ao Senhor para que os proteja em todo o tempo.

  Ore por fé e perseverança a todas as famílias envolvidas, principalmente às esposas e filhos.

  Ore por todos os cristãos perseguidos em países da Ásia Central e também pelos perseguidores para que também sejam tocados pelo Espírito de Deus.

 Leia também
 Cristãos se reúnem de maneira secreta na Ásia Central
Jovem cristã é atacada pelos próprios parentes



Postado: 29 de abril de 2017

Seguidores

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More