terça-feira, 30 de maio de 2017

Sessão homenageia os 500 anos da Reforma Protestante e a presença da Assembleia de Deus em Alagoas

 
 Na ocasião, o pastor-presidente destacou a influência da Reforma para o mundo e falou sobre os trabalhos sociais desenvolvidos pela denominação em nosso estado

 Maceió - AL
O Parlamento alagoano realizou uma sessão solene nesta sexta-feira, 26, para homenagear os 100 anos da Igreja Evangélica Assembléia de Deus em Alagoas e os 500 anos da Reforma Protestante. Presidida pelo seu propositor, deputado Ronaldo Medeiros (PMDB), a sessão contou com a presença de pastores das diversas congregações espalhadas pelo Estado. Medeiros destacou a importância da Igreja, não apenas na questão da evangelização, mas também o trabalho social que desenvolve em prol da população alagoana.

 “Quero externar o meu respeito pelo trabalho social e de evangelização realizado pela igreja, que tão bem conheço, pelo exemplo que nos transmite e também pela seriedade de seus membros”, disse Medeiros, agradecendo em nome do presidente do Poder, deputado Luiz Dantas, e de todos os alagoanos pela atuação da Assembleia de Deus no Estado. “Quero dizer que durante o período em que estiver no mandato de deputado estadual irei prestar homenagens à Assembleia de Deus. Iremos contribuir em tudo que for possível para o engrandecimento dessa igreja que tanto bem faz aos alagoanos”, declarou o parlamentar, parabenizando a congregação pela publicação do livro “Reforma Protestante 500 anos depois”. “Esse livro, conforme já informou o Governo do Estado, fará parte, juntamente com outros documentos, de uma arca em comemoração aos 200 anos de emancipação política de Alagoas. Essa arca será lacrada e aberta nos trezentos anos do Estado”, informou o deputado.

 O presidente da Assembleia de Deus em Alagoas, pastor José Orisvaldo Nunes, agradeceu ao parlamentar pela iniciativa, disse estar muito honrado com as homenagens prestadas e que esse fato, além de salutar, é de grande significado para os evangélicos. Nunes também fez um breve histórico sobre a Reforma Protestante, que teve como líder o monge Martinho Lutero, e sobre a chegada da Assembleia de Deus no Estado. “A Reforma Protestante não foi apenas um movimento religioso, mas sociocultural, que abalou não somente a Igreja Católica, mas o mundo”, observou o pastor. “Os ecos da Reforma chegaram aqui em Alagoas há 102 anos. Somos um ramo do protestantismo e temos trabalhado pelo bem da humanidade, pela transformação das vidas, pela educação do povo e pela ética”, contou Orisvaldo Nunes.

 De acordo com ele, a Assembleia de Deus, além da recuperação de vidas através da pregação do evangelho, atua na área da assistência social. A igreja possui um abrigo de idosos, onde cuida de mais de 40 pessoas, no Tabuleiro do Martins, e mantém uma casa de recuperação de meninas vítimas de violência e abusos sexuais. “Temos ainda o nosso sistema de assistência social chamado Caemon (Centro Assistencial Educacional Missionário Otto Nelson), que é um braço da igreja na área social, prestando serviços médicos e odontológicos. Dificilmente alguém vai ao Caemon carente para voltar de mãos vazias”, contou o pastor.



Postado: 30 de maio de 2017

0 comentários:

Postar um comentário

DINAMI: Dia Nacional de Missões

DINAMI: Dia Nacional de Missões

Janela 10/40 O Maior Desafio Missionário da Atualidade.

Janela 10/40 O Maior Desafio Missionário da Atualidade.

Seguidores

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More