Templo-sede| Pastor-presidente ministra sobre a Porta do Peixe e os meios para a evangelização

“Alegrei-me quando me disseram: Vamos à Casa do Senhor!”. Foi nesse clima de alegria espiritual que aconteceu o culto de doutrina desta terça-feira (21) na igreja sede da Assembleia de Deus em...

Pastor que estava no Titanic morreu pregando durante naufrágio

Homens de Deus estão em todos os lugares. Um desses homens foi o pastor John Harper, que morreu entre as vítimas do naufrágio do Titanic, em abril de 1912, que afundou depois de atingir um iceberg no...

Jovem cristã surda é expulsa de casa

Dana* é mais uma jovem com deficiência auditiva que aceitou Jesus como seu Salvador, no ano passado. Recentemente, seus pais descobriram sua nova fé e, por isso, a expulsaram de casa. Eles não foram violentos, não...

Todos têm o direito à verdade

Em 2010, a ONU proclamou pela Assembleia Geral, um dia para lembrar daqueles que têm seus direitos humanos violados. Normalmente, pessoas que fazem parte de grupos minoritários enfrentam mais dificuldades...

Entenda a situação dos cristãos na África

De acordo com um dos líderes humanitários da ONU, Stephen O'Brien, mais de 20 milhões de pessoas que vivem no Sudão do Sul (5º país na atual Lista Mundial da Perseguição), Iêmen (9º), Somália (2º) e Nigéria...

Mãe e filho enfrentam perseguição

Tutu* necessita das nossas orações. Ela é cristã, viúva, tem 50 anos e mora na Etiópia. Ela e seu filho Biruk* estão enfrentando uma severa perseguição vinda de uma comunidade muçulmana da Etiópia. O problema...

sábado, 31 de outubro de 2009

Estatuto da Umadene é totalmente reformulado




Reunião da UMADENE, a portas fechadas para reformulação do estatuto


Mas, alterações no regimento interno ficarão para outra oportunidade

Conforme haviam planejado na última Assembleia Geral Extraordinária (AGE), ocorrida em João Pessoa, os diretores da União de Ministros das Assembleias de Deus no Nordeste (Umadene) conseguiram reformular todos os artigos do estatuto jurídico da instituição. No entanto, o regimento interno não foi apreciado e deverá ser marcada uma nova AGE para que as alterações sejam feitas.

A proposta do presidente da Comissão de Reformulação do Estatuto e Regimento Interno da Umadene, pastor Abiezer Apolinário, terminou ajudando para dar celeridade aos debates. O ministro propôs, logo na primeira plenária, na quarta-feira pela manhã, que os presidentes das convenções estaduais se reunissem a portas fechadas para discutirem os pontos que seriam reformulados.

Segundo o pastor José Antonio dos Santos, presidente da instituição, os líderes se empenharam para que todos os artigos fossem apreciados, o que acabou acontecendo. “Foram inúmeras horas que passaram reunidos somente discutindo estes artigos. Ficamos até sem almoçar. Mas, foi proveitoso porque alcançamos um dos nossos objetivos”, comentou.

Assim que os presidentes das convenções chegaram a um consenso, apresentaram-no à plenária, que aprovou sem ressalvas.

O pastor José Neco ainda não sabe quando e para onde será marcada a nova Assembleia Geral Extraordinária com a finalidade de reformular o regimento interno.

Por enquanto, os principais artigos que foram reformulados não foram divulgados.


Fonte:http://www.jneweb.com.br/
Postado em 31 de outubro de 2009.

Pr. José Neco permanece na presidência na Umadene




Pastor-presidente José Antonio dos Santos


Membros da diretoria foram aclamados e não passaram pela votação


Por mais dois anos, a presidência da União dos Ministros das Assembleias de Deus no Nordeste (Umadene) ficará na responsabilidade do pastor José Antonio dos Santos. Ele e os demais membros da mesa diretora foram aclamados, ou seja, não precisaram ser escolhidos mediante votação que aconteceria na manhã desta sexta-feira, no templo-sede, em Maceió, durante a 24ª Assembleia Geral Ordinária (AGO).

De acordo com o pastor José Neco, havia um entendimento entre as lideranças para a permanência dele no cargo para o próximo biênio. “Eu os lembrei de que já estava no quarto mandato, mesmo assim eles acharam conveniente a nossa permanência na presidência. Deixei a critério deles esta situação”, revelou o ministro com exclusividade à reportagem do portal AD Alagoas.

Na manhã desta sexta-feira, somente ocorreria a cerimônia de posse da diretoria. Conforme o líder da Umadene, apenas o cargo de presidente ficou sem alteração. “Nos outros cargos – como o de vice-presidente – houve um rodízio – como já é de costume. Foram aclamados também os novos membros das comissões da Umadene. Todos nós temos a imensa responsabilidade de gerir a instituição por mais dois anos”, concluiu o pastor José Antonio.


Fonte:http://www.jneweb.com.br/
Postado em 31 de outubro de 2009.

Pastor José Antonio é reconduzido à presidência da Umadene




Pastor José Antonio dos Santos fica na presidência da Umadene por mais 2 anos


Pastor José Wellington acompanhou o processo e parabenizou a escolha

O pastor José Antonio dos Santos foi aclamado ao cargo de presidente da União de Ministros da Assembleia de Deus no Nordeste (Umadene) na manhã desta sexta-feira, 30 de outubro, durante Assembleia Geral Ordinária – AGO, realizada na igreja-sede da AD em Maceió. O pastor José Antonio e toda diretoria também aclamada hoje foram empossados e devem ficar à frente da entidade para o biênio 2009-2011.

O pastor José Wellington Bezerra da Costa, presidente da Convenção Geral da Assembleia de Deus no Brasil, acompanhou todo processo e disse em entrevista a TV AD Alagoas que a eleição e a forma como foram conduzidos os trabalhos da Umadene serviram de exemplo para todo o Brasil.

“A aclamação do pastor José Antonio dos Santos é resultado do bom trabalho desenvolvido por ele ao longo dos três últimos mandatos”, avaliou o pastor José Wellington, presidente da CGADB.

Questionado sobre a importância da Umadene para a igreja no Brasil, o pastor José Wellington destacou a união dos ministros e o crescimento da denominação na região Nordeste do país. O pastor José Wellington classificou a igreja no nordeste como fervorosa e receptiva.

Emocionado, o pastor José Antonio dos Santos, atual presidente da Umadene e também vice-presidente da CGADB, em entrevista a TV AD Alagoas, atribuiu a indicação para o cargo à vontade de Deus em sua vida. “Agradeço a Deus por mais esta oportunidade, pois sei que tudo está sob o controle d’Ele e também sou grato aos meus companheiros de ministério que depositam em mim tão grande confiança”, afirmou.

O pastor José Antonio dos Santos ocupa o cargo de presidente da entidade pela 4ª vez. Segundo dados da secretaria da Umadene, o órgão reúne 14 convenções e mais de 2 mil obreiros da região Nordeste.

Durante estes dias, em Maceió, além da eleição da nova mesa-diretora, os ministros estiveram reunidos em Assembleia Geral Extraordinária – AGE- para discutir a reforma do texto do novo estatuto da entidade. Aproximadamente 25% haviam sido discutidos em julho na cidade de João Pessoa, Paraíba. Agora, os obreiros concluíram a reforma e agora estão na expectativa para a elaboração do regimento interno.

De acordo com o pastor José Antonio, a nova gestão tem como desafio continuar trabalhando unida e tem como uma de suas metas visitar as cidades de cada convenção para dar a assistência necessária.

Veja abaixo a relação da nova mesa-diretora e conselho Fiscal para o Biênio 2009-2011 01- Presidência

Presidente de Honra: Pr. Francisco Pacheco de Brito – COMEAD –CGPB

Presidente: Pastor José Antonio dos Santos – COMADAL

1º vice-presidente: Pr. Pedro Aldi Damasceno – CEADEMA

2º vice-presidente: Pr. Roberto José dos Santos – COMADALPE

3º vice-presidente: Pr. Pedro Cavalcante Falcão – COMEADEC

4º vice-presidente: Pr. Ozires Teixeira Pessoa – CONFRADECE

5º vice-presidente: Pr. Dermerval Lopes de Cerqueira – CEADEB

02- Secretaria

1º secretário: PR. Emidio Barbosa de Lima Brito – COMEAD – CGPB

2º secretário: Pr. Nestor Henrique Mesquita – CEADEP

3º secretário: Pr. José Carlos de Lima – COMADEP

4º secretário: Pr. José Edilson da Costa – CONFRADECE

5º secretário: Pr. José Alves Cavalcante – COMADESMA

03- Tesouraria

1º tesoureiro: Pr. Amaro Antonio Cristovan Filho – COMADAL

2º tesoureiro: Pr. Gerinaldo Messias – CONEADESE

3º tesoureiro: Pr. Maurino Pinheiro do Nascimento – CIMADEC

4º tesoureiro: Pr. Martim Alves da Silva – CEADERN

04-Conselho Fiscal

Presidente: Pr. Ednilson Barbosa da Silva – COMADAL

Secretario: Jorge Luiz Pereira de Souza – CIMADEC

Relator: Pr. José Flor da Silva – COMADALPE

Membro: Pr. Dari Ferreira da Silva - C. GRANDE

Membro: Pr. Jose Carlos dos Santos – CEADEMA

Suplente: Pr. Dario Gomes da Silva – CEADEB

Suplente: Pr. Deodório de Gois Filho – COMADESMA

Sec. Adjunto: Jadson Esdras Jerônimo da Silva - COMADAL



Fonte:http://www.jneweb.com.br/
Postado em 31 de outubro de 2009.

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Culto frisa educação dos filhos e premia equipes missionárias em Bebedouro




Culto de Missões ressalta educação dos filhos em Bebedouro



Trabalho de Missões, como sempre dinâmico, ressaltou a importância da boa criação dos filhos

A igreja Assembleia de Deus em Bebedouro, liderada pelo pastor Ricardo Oliveira, teve um culto de Missões, no dia 11 deste mês, enfatizando a responsabilidade dos pais na criação dos filhos. Esta temática aproveitava a Semana da Criança. Foram abordados assuntos relativos a desenhos, filmes, jogos e gibis de conteúdo perigoso às crianças. Nas subcongregações do bairro, o mesmo tema foi trabalhado.

Pela manhã, na consagração missionária, o pregador foi o irmão Eliel. Ele falou com base em Atos 16.9. Utilizando-se da experiência de Paulo, o preletor desenvolveu uma palavra de caráter reflexivo, mostrando a necessidade de se fazer missões rompendo qualquer obstáculo.

Durante a noite, o culto de missões contou com a participação de órgãos e cantores locais. Como é de costume, o templo foi ornamentado de acordo com o tema em questão. Do lado de fora do templo, um mural, dividido em três partes, fazia a exposição do assunto.

O culto teve a leitura de um breve relatório feito pelo jovem João Kaycke, sucedida de uma oração feita pelo auxiliar Silvio. A dinâmica da noite ficou na responsabilidade do conjunto infantil que fez a apresentação de um jogral denominado “Crianças Fazendo Missões”, fato que emocionou e envolveu a Igreja ainda mais com o culto.

O trabalho executado pela conselheira tutelar da região, irmã Susana Freire, que congrega na Assembleia de Deus em Bebedouro, foi citado na ocasião. Ela acompanha diariamente histórias de meninos e meninas que sofrem influência no comportamento por conta de informações nocivas que têm contato por meio da mídia.

O preletor da noite foi o auxiliar Djacy Brandão, da própria congregação. Baseado no texto escrito em Salmos 127.3, a mensagem se desenvolveu voltada para a família. Foi destacado o tempo que os pais passam com os filhos, a educação que está sendo dada e os perigos dos meios de comunicação de massa quando usados para fins errados. A noite foi bastante agradável e a Igreja se envolveu no culto.

SURPRESA - Conforme revelou o correspondente Thiago Ferreira, no decorrer do culto, um dos componentes do departamento de missões pediu uma oportunidade ao coordenador que estava à frente do trabalho. Ao receber a oportunidade, o auxiliar Sílvio da Silva fez uma homenagem ao Dc. Mariano Siqueira que havia aniversariado no final do mês de agosto O coordenador foi presenteado com um livro.

PREMIAÇÃO - O culto também fez menção à feira de missões, realizada no mês anterior, com a divulgação, inclusive, do resultado das pontuações das equipes. A primeira colocação ficou com a equipe Japão; já a Índia ocupou o 2º lugar e Irã completou os três primeiros lugares.

A feira contou com oito jurados que avaliaram o desempenho das equipes, a ornamentação, o vestuário e vários outros itens das equipes participantes.

Fonte:http://www.jneweb.com.br/
Postado em 29 de outubro de 2009.

FOTO: Culto frisa educação dos filhos e premia equipes missionárias em Bebedouro































Fonte:http://www.jneweb.com.br/
Postado em 29 de outubro de 2009.

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Pastores são presos durante o culto na Índia




Um grupo de radicais hindus atacou três pastores, uma mulher e uma criança no domingo, 18 de outubro, durante uma reunião de oração em uma igreja doméstica em Hyderabad, Estado de Andhra Pradesh, Índia.

No domingo, os cristãos realizavam uma reunião de oração na pequena casa de Siluvai Kumar. Cerca de 40 pessoas estavam presentes. Por volta das 9h, um grupo de radicais hindus invadiu a casa e começou a agredir os cristãos. Os pastores Felipe, 39, Timóteo, e Siluvai Kumar ficaram gravemente feridos. O pastor Timóteo teve um ferimento sério em sua orelha esquerda. Os radicais também agrediram a esposa do pastor Felipe, Kézia, que está grávida, e sua filha Hepziba, de 18 meses. Os radicais pegaram todas as Bíblias que conseguiram, as destruíram e jogaram fora. Eles também danificaram os instrumentos musicais, tambores, portas de metal e janelas da casa.

Então, os homens levaram o pastor Timóteo para a delegacia de Kukatpally, onde prestaram uma queixa falsa contra ele, alegando que ele havia urinado nos ídolos de um templo próximo. A polícia prendeu o pastor.

O coordenador da organização Global Council for Indian Christians levou os feridos para o hospital e depois foi até a delegacia para intervir no caso dos pastores presos. Logo depois, a polícia liberou os cristãos.

O chefe de polícia tentou estabelecer um acordo entre as duas partes, e até ameaçou os homens com graves conseqüências se o ato se repetisse.

Ativistas hindus já haviam alertado os pastores para não realizarem reuniões de oração na área. O pastor Felipe trabalha nos bairros pobres há anos.

Ore pelos pastores, suas famílias e ministérios. Ore também pela região de Kukatpally, para que os cristãos estejam em segurança e para que muitos conheçam o amor de Cristo.


Fonte:http://www.jneweb.com.br/
Postado em 26 de outubro de 2009.

Igreja é incendiada no vilarejo de Jakaram



Cena numa rua da Índia


ÍNDIA (22º) - Um grupo de pessoas não identificadas incendiou uma igreja nas primeiras horas desta quinta-feira, 22 de outubro de 2009, no vilarejo de Jakaram, Mulugu Mandal, distrito de Warangal, Andhra Pradesh, Índia.

De acordo com uma notícia publicada no site do Global Council of Indian Christians, o ataque à Igreja pertencente à Sociedade Missionária da Índia, aconteceu às 2h.

O templo foi incendiado por criminosos não identificados, e a matéria afirma que quando os vizinhos ouviram o barulho correram para fora e viram a igreja pegando fogo. Então, eles informaram o pastor imediatamente, e também ligaram para a brigada de incêndio.

No momento em que os bombeiros chegaram, 50% da igreja já estava destruída.

Um policial local registrou um boletim de ocorrência e garantiu que será realizada uma investigação mais detalhada.

Esse incidente recebeu atenção de todos os jornais locais do Estado de Andhra Pradesh.

A igreja é liderada pelo pastor P. Kumarswamy, 45, que iniciou seu ministério nos vilarejos vizinhos em 2000. Em 2005, essa igreja, que agora tem cerca de 60 membros, foi estabelecido no vilarejo de Jakaram. O templo está situado a aproximadamente 60 metros da casa do pastor Kumaraswamy.


Fonte:http://www.portasabertas.org.br
Postado em 26 de outubro de 2009.

Pastor é atacado em frente à igreja

ÍNDIA (22º) - No dia 25 de outubro, cerca de 11 homens mascarados atacaram brutalmente um pastor na cidade de Mastoori, Madhya Pradesh, Índia.

De acordo com os relatos, o culto de domingo na Igreja de Deus Bersheva foi encerrado por volta de meio-dia quando um jovem se aproximou do pastor Pavithra Kumar, 28, perguntando sobre um menino que estava desaparecido. O pastor respondeu que não havia visto ninguém, e o jovem foi embora.

Após alguns minutos, o jovem voltou com 10 outros homens em seis bicicletas e o grupo começou a agredir o pastor com tacos de madeira e com seus próprios punhos.

Quando o pastor tentou correr para a igreja, uma mulher foi envolvida na agressão e ficou ferida. Então, o pastor conseguiu entrar em uma casa e fechar a porta. Os homens ameaçaram o pastor e os membros da igreja e foram embora.


Fonte:http://www.portasabertas.org.br
Postado em 26 de outubro de 2009.

Morre aos 49 anos pastor presidente da Liga Evangélica de Cuba

CUBA (33º) - Faleceu ontem, 25 de outubro de 2009, aos 49 anos, acometido de uma grave enfermidade no trato gastro-digestivo, o pastor Alejandro Nieto, presidente da Liga Evangélica de Cuba e um dos principais responsáveis pelo crescimento da Igreja no país. Há mais de 5 anos ele lutava contra essa doença e a cerca de 4 anos atrás ele teve uma recuperação milagrosa, mas recentemente a enfermidade voltou a lhe trazer dificuldades físicas.

O pastor Alejandro foi, durante muitos anos, o contato da Portas Abertas Internacional com a Igreja cubana enquanto ainda atuava na região. Muito tempo depois de iniciar seu ministério em Cuba, o pastor deixa um grande legado espiritual para a nação, e será lembrado por muitas gerações.

Dois colaboradores da Missão Portas Abertas estiveram em contato com o pastor na viagem que realizaram no início deste ano e puderam testemunhar o trabalho deste irmão cujo objetivo era ganhar Cuba para Cristo.

Leia abaixo trechos de um texto de agradecimento a todos os irmãos, escrita pelo próprio pastor Alejandro, alguns meses atrás.

"Ao iniciar-se a década de 80, especificamente no ano de 1982, inicia o pastorado do Pr Alejandro Nieto, um jovem de 22 anos, cheio de paixão, visão e amor pela obra de Deus, e um desejo ardente de alcançar: CUBA PARA CRISTO, o que tem sido desde então e até agora a Paixão e a visão que abrasa e que arde em seu coração. Motivo de suas orações, desvelos, planos e trabalho diário. A partir desta data nossa igreja começa a viver uma nova etapa de crescimento e multiplicação que se mantem até hoje, pois foi nestes anos que nos visitaram irmãos de outros lugares, como os irmãos amados da "MISSÃO AFIM DE PROCLAMAR" que chegaram a nossas vidas de uma terra distante, como mensageiros de amor, enviados por Deus. Amigos fiéis e comprometidos que nos tem acompanhado ao longo desses 23 anos e que tem ocupado um lugar muito especial na vida e obra desta igreja, e com grande impacto na Nação Cubana. Suas orações, seus incontáveis gestos de amor e seu fiel compromisso, suas palavras de animo para a igreja e sua liderança, tem sido um sopro, impulsionando este reavivamento e o plano de Deus para Cuba nos últimos anos.

No final dos anos 80 e inicio dos anos 90, o Senhor começou a enviar uma renovação e restauração para a vida da Igreja, na adoração e relação com seu povo, provocando uma colheita abundante de almas que diariamente vinham aos pés de Jesus. Devido a esse crescimento, e a grande quantidade de pessoas que se entregavam a cada culto, foi necessário iniciar o que hoje conhecemos como células de estudo bíblico nas casas,"acrescentando-se dia a dia os que iam sendo salvos."

Em 1990 contávamos com 50 grupos na cidade, e atualmente contamos com mais de 600 células de estudo bíblico. Nos últimos 10 anos temos experimentado um crescimento sem precedentes e sabemos que é apenas o começo do que Deus tem preparado para nós, em nossa meta de levar CADA CUBANO AOS PÉS DE JESUS. Suprimos mais de 3.000 pastores de 50 denominações diferentes, com material que nós mesmos produzimos, e entregamos gratuitamente.


Sei que mais de 150 irmãos brasileiros aqui estiveram, como verdadeiros Epafroditos, o que me permite usar as palavras de Paulo em Fp.4:18 " Recebi tudo e tenho abundância; desde que Epafrodito me passou o que me veio de vossa parte, como aroma suave, como sacrifício aceitável a aprazível a Deus."

Obrigado Igreja Brasileira. Obrigado Missão Afim de Proclamar. Obrigado amados voluntários. Perdão em nome de nosso pais por aqueles de vocês que foram presos, expulsos e perseguidos, por causa da obra que realizaram."Eles não sabiam o que faziam". Muitos deles são hoje convertidos.


Em nome da Geração da Conquista: Pr. Alejandro Nieto.

Fonte:http://www.portasabertas.org.br
Postado em 26 de outubro de 2009.

Ícone da Assembleia de Deus, missionária Ruth Doris Lemos falece em SP




Ruth Doris Lemos vai ser lembrada na história da AD no Brasil


Ao lado do esposo, pastor João Kolenda, fundou o Instituto Bíblico das Assembleias de Deus (IBAD)

Uma das mulheres mais conhecidas de toda a história da Assembleia de Deus no Brasil e que ainda permanecia viva deu o último suspiro nesta sexta-feira. A missionária Ruth Doris Lemos faleceu, por volta do meio-dia, por não resistir a uma cirurgia melindrosa a qual foi submetida.

Ao lado do esposo, o pastor João Kolenda Lemos, fundou o Instituto Bíblico das Assembleias de Deus (IBAD), localizado em Pindamonhangaba, no interior paulista. Ela era pastora credenciada nos Estados Unidos desde os anos 60, mas veio ao Brasil cumprir uma ordem do Mestre.

Irmã Doris morreu em decorrência de complicações de uma intervenção cirúrgica endovascular. Ela deixa o marido, filhos, genros, noras, netos e uma bisneta. Estudantes e ex-alunos encheram blogs e sites na internet com mensagens de conforto aos familiares enlutados. Eles citaram vários episódios que viveram ao lado dos missionários e ressaltam, sobretudo, o grande ensinamento que tiveram com a irmã Doris.

O corpo da missionária foi exposto para visitação pública na capela do IBAD desde as 2h da manhã deste sábado. O culto fúnebre foi celebrado mesmo local, a partir das 11h30. Já o sepultamento aconteceu no início da tarde no cemitério municipal de Pindamonhangaba.

História - Sua dedicação e esforço foram fundamentais na preparação de centenas de obreiros que hoje atuam no Brasil e no exterior, sendo um exemplo de vida cristã e uma referência em educação teológica na Assembleia de Deus.

Irmã Doris, como é conhecida entre os alunos, nasceu nos Estados Unidos da América em uma pequena cidade do Wisconsin – mesmo estado de origem do saudoso missionário Lawrence Olson. Ela estudou teologia no Instituto Bíblico dos Grandes Lagos, e é ministra do Evangelho há 30 anos no Distrito Norte do estado da Califórnia.

O casal se conheceu nos EUA, casaram-se, e em 1951 vieram para o Brasil. A princípio trabalharam juntos na CPAD; ele como tesoureiro e ajudando na área de literatura; ela com literatura infantil, embora conhecesse muito pouco de português. Em 1955, foi ao ar pela primeira vez o programa “ Voz das Assembléias de Deus” dirigido pelo missionário Lawrence Olson. Os Kolenda ajudavam tanto na produção do programa e irmã Doris acompanhava os hinos com um órgão litúrgico. Em 1956 foram para os EUA, retornando no ano seguinte.

A semente do que viria ser o IBAD brotou entre 1956/1957. As coisas começavam a acontecer. O irmão João Kolenda Lemos deixou a CPAD e iniciou um árduo trabalho de tradução de livros, manuscritos e outras literaturas para a língua portuguesa preparando material para um instituto bíblico. Este trabalho durou um ano e meio, aproximadamente.


Fonte:http://www.jneweb.com.br/
Postado em 26 de outubro de 2009.

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Após 1 ano, namorado de Eloá participa de cultos e diz estar arrependido



Lindemberg Alves, preso pela PM


Lindemberg Alves atirou na adolescente após mais de 100 horas de sequestro

Já se passou um ano do desfecho trágico do sequestro de mais de 100 horas da adolescente Eloá Cristina Pimentel, de 15 anos. O motoboy Lindemberg Fernandes Alves, 22, está preso desde 17 de outubro do ano passado na Penitenciária Dr. Augusto César Salgado, localizada em Tremembé, a 138 quilômetros de São Paulo. Lá, segundo os carcereiros, ele vem participando dos cultos e das celebrações católicas e afirma categoricamente que “agiu sem pensar em um momento de fraqueza”. Ele estaria profundamente arrependido.

Após negociação meio trapalhada de policiais do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate), da Polícia Militar de São Paulo, Lindemberg Alves atirou contra a adolescente e a amiga dela, Nayara Rodrigues, 15, ambas mantidas reféns por ele no apartamento da vítima. A morte cerebral de Eloá foi diagnosticada um dia depois no hospital e Nayara passou por cirurgias na face e se recuperou bem.

O caso chocou o Brasil e teve vários desdobramentos. O pai de Eloá, por exemplo, o ex-cabo da Polícia Militar de Alagoas, Everaldo Pereira dos Santos, usava nome falso onde morava, mas foi descoberto após sua filha protagonizar um dos maiores sequestros já registrados no País.

Enquanto Eloá era mantida sob a mira de um revólver pelo namorado, o pai dela foi fotografado por repórteres deitado em uma maca de atendimento médico de urgência. Autoridades policiais daqui o reconheceram como o ex-integrante do grupo de extermínio denominado gangue fardada. Ele está foragido.

Já Lindemberg foi preso na noite do desfecho do sequestro e levado para a penitenciária de Tremembé. Atualmente, ele aguarda a liberdade por meio de dois habeas-corpus, cujos méritos devem ser julgados até novembro pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ). Conforme os capelães do presídio, ele ficou “religioso”, já que participa dos cultos evangélicos, sempre aos sábados, e das missas.

Além da mudança de postura, o rapaz trabalha em uma oficina de fechaduras, onde tenta esquecer a atitude que fez que mudou sua vida para sempre. Os carcereiros informam ainda que Lindemberg Alves mostra-se arrependido e costuma repetir que agiu em um momento de extrema fraqueza. A família e a advogada fazem visitas regulares ao jovem.


Fonte:http://www.jneweb.com.br/
Postado em 22 de outubro de 2009.

Igreja é depredada e incendiada por vândalos




Na Ucrânia, igreja é depredada e incendiada



Fato ocorreu na Ucrânia

O pastor da igreja Calvary Chapel Kaharlyk, ao sul de Kiev, Ucrânia, agradece a Deus por sua proteção, depois que o templo da igreja, onde ele mora com sua família, foi atingido por explosivos lançados por nacionalistas.

Nas primeiras horas do dia 14 de outubro, os vândalos picharam na parede da igreja “Fora com as seitas!” e “ÎÓÍ”, uma sigla para um movimento nacionalista ucraniano.

O pastor Wayne Zschech relembra os eventos em seu blog: “Por volta das 4 da manhã, depois de despedaçarem a janela com uma pedra, os incendiários atiraram um Coquetel Molotov (arma química) na sala das crianças de nossa igreja”.

“Não tínhamos notado o ataque até as 7h, quando minha esposa Olya acordou com o cheiro da fumaça.”

O pastor Wayne diz que eles só descobriram o local do início do fogo após a chegada da brigada de incêndio.

“Depois que o fogo foi extinto, passamos um longo tempo com os fiscais da milícia responsáveis por investigar os crimes, realizar interrogatórios e escrever relatórios. Mais tarde, o chefe de polícia da região de Kaharlyk foi pessoalmente para ter uma visão melhor da situação. Ele disse que esse tipo de coisa nunca havia acontecido na cidade com um grupo em particular.”

“Louvado seja o Senhor por sua proteção. O dano causado pelo fogo e pela água foi relativamente pequeno. Ainda bem que não havíamos comprado a mobília pela qual estávamos orando, para o ministério infantil. Houve alguns estragos no porão, onde estão os computadores, causados pela água. Não calculamos o tamanho do prejuízo ainda.”

“Deus é tão bom. Poderia ter sido muito pior. Nos ataques anteriores, apenas as janelas foram quebradas. No entanto, esse ato de violência foi muito sério. Foi planejado para destruir nosso templo. Seis pessoas dormiam no prédio na hora do ataque.”

“Nikita, nosso filho de três semanas, estava dormindo ao lado de uma janela. O crime também poderia ser classificado como tentativa de homicídio, pois poderíamos ter morrido por inalar a fumaça.”

O pastor Wayne Zschech pede para que os cristãos em todo o mundo orem para que Deus seja glorificado nessa situação. “Oramos para que o Senhor leve as pessoas à salvação e que Ele fortaleça seu Corpo. Nos alegramos em termos sido achados dignos de sofrer por causa do Senhor e pelo bem do evangelho.”


Fonte:http://www.jneweb.com.br/
Postado em 22 de outubro de 2009.

Missionários alagoanos na África enfrentam problemas





No culto de doutrina, notícia da situação do casal missionário pegou a Igreja de surpresa



Casal Pedro Tavares e irmã Noemi tiveram o passaporte retido por autoridades de São Tomé e Príncipe


O pastor Pedro Tavares e a esposa dele, irmã Noemi, enfrentam sérios problemas em São Tomé e Príncipe, país africano onde desenvolvem trabalho missionário sob a tutela da Convenção dos Ministros de Alagoas. O casal corre o risco de deixar a nação por conta do vencimento do visto no passaporte – no próximo dia 29.

De acordo com o secretário de Missões da Assembleia de Deus em Alagoas, pastor Paulo Mesquita, o casal foi orientado a procurar o consulado no país para assegurar a regulamentação de estadia. No entanto, para surpresa deles, o passaporte acabou sendo retido pelas autoridades do serviço de migração de São Tomé e Príncipe.

Este procedimento é tido como ilegal e ainda não há explicações lógicas para o posicionamento do consulado no país africano. Diante deste quadro, o pastor Pedro Tavares e a irmã Noemi têm o prazo até o final da próxima semana para manter a regularidade.

Por orientação da Semadeal, o casal tentou uma alternativa, que é buscar auxílio no País vizinho – Cabo Verde. Entretanto, as portas também estão fechadas para eles. Por e-mail, o pastor Paulo Mesquita mantém contato com eles praticamente todos os dias.

“Perguntei qual seria o desejo deles nesta situação. Recebi como resposta que não queriam retornar para o Brasil. Mas, eles disseram que não estavam entendendo o porquê dos problemas que estão enfrentando”, afirmou o pastor Mesquita.

O pastor José Antonio dos Santos, presidente da Convenção dos Ministros da Assembleia de Deus em Alagoas, vem acompanhando o caso da forma que pode. Segundo ele, a saída agora é orar para que Deus faça a vontade Dele, ou seja, permitir a continuidade do trabalho missionário pelo casal ou o retorno para o Brasil.

“Conversei com o pastor José Neco e disse para ele que fui impulsionado esta semana a orar de madrugada pela obra em São Tomé e Príncipe, que possui uma opressão maligna constante. Ele também disse que foi orientado por Deus para fazer a mesma coisa. Há algo espiritual por trás disso tudo e sei que o Senhor vai fazer o melhor para a obra Dele”, acredita Mesquita.

No culto de doutrina desta terça-feira, um clamor foi feito para que o quadro seja mudado tanto nesta nação como em Honduras, que atravessa uma crise política assustadora. A situação impede, inclusive, o envio do missionário Ivaldo Cruz para o país. Foi exatamente ele quem orou esta noite.

Segundo o pastor Paulo Mesquita, havia a necessidade em São Tomé e Príncipe da construção de um galpão para o trabalho com crianças. Até agora, foram arrecadados R$ 3.300 em Alagoas para esta obra.

“Mesmo que eles não fiquem lá, o dinheiro será enviado para que este galpão seja construído”, assegurou Mesquita.

Pregação

O pastor Genildo Simplício, de São Paulo, foi o pregador da noite. Sob a unção divina, ele ministrou uma palavra avivada. O cantor Estevão Jacinto (PE) e o departamento jovem da Assembleia de Deus no Tabuleiro do Martins louvaram ao Senhor.


Fonte:http://www.jneweb.com.br/
Postado em 22 de outubro de 2009.

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Igreja doméstica é demolida pelas autoridades





Cristãos laosianos se arriscam para estudar a Palavra


LAOS (8º) - Em setembro, as autoridades de uma vila deram permissão à polícia para demolir uma igreja doméstica.

A demolição foi executada com a ajuda de alguns aldeões, que diziam que os cristãos não deveriam ter espaço algum para se reunir naquela comunidade.

“Os cristãos não têm lugar aqui. Vou expulsá-los e eles não serão mais considerados parte do nosso povo”, afirmou um policial.

No lugar da igreja será construída uma hospedaria.

Outro policial prometeu: “Da próxima vez que vocês orarem juntos, vão ver armas contra suas cabeças assim que abrirem os olhos”.

Pedidos de oração:

• Não sabemos ainda como estão os cristãos dessa vila. Ore para que permaneçam fiéis em Cristo, apesar das ameaças que têm sofrido.

• Interceda especialmente pelo pastor dessa igreja doméstica. Que ele encontre força e paz em Deus durante esses momentos de dificuldade para ele e sua igreja.

• Cremos que Deus está no controle da situação, e que seu braço não está encolhido para salvar. Suplique a Ele para proteger nossos irmãos dessa vila.

• Peça ao Senhor para mudar essa atitude hostil dos chefes locais contra os cristãos. Que qualquer mal-entendido em relação ao cristianismo seja resolvido por meio de diálogo.


Fonte:http://www.portasabertas.org.br
Postado em 19 de outubro de 2009.

Pastores recebem ameaças de ataques

PAQUISTÃO (13º) - A agência International Christian Concern (ICC) soube que, no dia 6 de outubro, integrantes do Talibã enviaram cartas com ameaças, alertando os líderes cristãos de que se eles não se convertessem ao islamismo, iriam enfrentar terríveis conseqüências.

Uma cópia da carta, obtida pela ICC, alerta os cristãos a se converterem ao islamismo, a pagarem a Jizya (taxa imposta pelos muçulmanos para as minorias religiosas) ou deixarem o país. Se os cristãos se recusarem a aceitar as opções dadas a eles, a carta explica que eles “serão mortos, as propriedades e casas seriam incendiadas e as mulheres seriam tratadas como escravas sexuais. E eles próprios seriam responsáveis por isso”.

O pastor Zaheer Khan, da Igreja Memorial Maghoo, o pastor Aamir Azeem, da Igreja Cristãos Unidos e Zafar Akhter, da Igreja Presbiteriana Unida, receberam uma cópia da carta.

Os islâmicos enviaram as cartas para as seguintes instituições cristãs: Escola de Ensino Fundamental Saint Peter, Instituto de tecnologia Sargodha, Colégio Sargodha, Escola Primária Saint John e Hospital Fátima.

Além dessas instituições cristãs, a carta também foi enviada para o Immam-Bar-Gha (salão de reuniões dos muçulmanos xiitas). Os xiitas são um grupo minoritário no Paquistão, onde a maioria da população é muçulmana sunita.


Fonte:http://www.portasabertas.org.br
Postado em 19 de outubro de 2009.

Igreja é atacada e incendiada; pastor pede oração

UCRÂNIA (*) - O pastor da igreja Calvary Chapel Kaharlyk, ao sul de Kiev, Ucrânia, agradece a Deus por sua proteção, depois que o templo da igreja, onde ele mora com sua família, foi atingido por explosivos lançados por nacionalistas.

Nas primeiras horas do dia 14 de outubro, os vândalos picharam na parede da igreja “Fora com as seitas!” e “ÎÓÍ”, uma sigla para um movimento nacionalista ucraniano.

O pastor Wayne Zschech relembra os eventos em seu blog: “Por volta das 4 da manhã, depois de despedaçarem a janela com uma pedra, os incendiários atiraram um Coquetel Molotov (arma química) na sala das crianças de nossa igreja”.

“Não tínhamos notado o ataque até as 7h, quando minha esposa Olya acordou com o cheiro da fumaça.”

O pastor Wayne diz que eles só descobriram o local do início do fogo após a chegada da brigada de incêndio.

“Depois que o fogo foi extinto, passamos um longo tempo com os fiscais da milícia responsáveis por investigar os crimes, realizar interrogatórios e escrever relatórios. Mais tarde, o chefe de polícia da região de Kaharlyk foi pessoalmente para ter uma visão melhor da situação. Ele disse que esse tipo de coisa nunca havia acontecido na cidade com um grupo em particular.”

“Louvado seja o Senhor por sua proteção. O dano causado pelo fogo e pela água foi relativamente pequeno. Ainda bem que não havíamos comprado a mobília pela qual estávamos orando, para o ministério infantil. Houve alguns estragos no porão, onde estão os computadores, causados pela água. Não calculamos o tamanho do prejuízo ainda.”

“Deus é tão bom. Poderia ter sido muito pior. Nos ataques anteriores, apenas as janelas foram quebradas. No entanto, esse ato de violência foi muito sério. Foi planejado para destruir nosso templo. Seis pessoas dormiam no prédio na hora do ataque.”

“Nikita, nosso filho de três semanas, estava dormindo ao lado de uma janela. O crime também poderia ser classificado como tentativa de homicídio, pois poderíamos ter morrido por inalar a fumaça.”

O pastor Wayne Zschech pede para que os cristãos em todo o mundo orem para que Deus seja glorificado nessa situação. “Oramos para que o Senhor leve as pessoas à salvação e que Ele fortaleça seu Corpo. Nos alegramos em termos sido achados dignos de sofrer por causa do Senhor e pelo bem do evangelho.”


Fonte:http://www.portasabertas.org.br
Postado em 19 de outubro de 2009.

domingo, 18 de outubro de 2009

TABELA DE AVALIAÇÃO DAS EQUIPES

Para saber qual foi a avaliação de sua equipe na Feira de Missões click no link http://www.4shared.com/file/141831496/cd449865/TABELA_DE_AVALIAO_DA_FEIRA_DE_MISSES_por_jurado.html

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Maceió regulamenta lei que pune homofobia





O prefeito de Maceió assinou o decreto que sanciona a lei nesta quinta-feira, 15 de outubro


Empresas e servidores públicos de Maceió que cometerem atos discriminatórios contra homossexuais serão, a partir de hoje, punidos com rigor. O atual prefeito da capital alagoana, Cícero Almeida, assinou nesta quinta-feira (15) um decreto que regulamenta a lei municipal 4.667/97, que prevê punições para qualquer ato de preconceito sexual.

A lei foi sancionada há 12 anos, em 23 de novembro de 1997, na gestão da prefeita Kátia Born, e previa que o Poder Executivo a regulamentasse num prazo de 60 dias, apontando os mecanismos de denúncia, as formas de apuração e as garantias para ampla defesa dos infratores. Mas, por motivo desconhecido da gestão municipal, a regulamentação não veio e a lei passou a não ter validade. Agora, ela foi “redescoberta” pelo recém-empossado secretário de Direitos Humanos, Segurança Comunitária e Cidadania, Pedro Montenegro.

A regulamentação da lei estabelece as formas de fiscalização e punições para “os estabelecimentos comerciais, industriais e repartições públicas municipais que discriminarem pessoas em virtude de sua orientação sexual”. Entre as práticas que ficam sujeitas a punição estão o constrangimento, a proibição de ingresso ou permanência num estabelecimento, o atendimento selecionado e o preterimento ou imposição de pagamento de mais uma unidade nos hotéis e similares.

As penas variam de uma simples advertência à cassação de alvará de funcionamento para empresas, em caso de reincidência, e demissão do servidor público que cometer atos preconceituosos. Também são previstas multas, que terão valores definidos “pela capacidade econômica do estabelecimento infrator”. De acordo com o grau de discriminação, a lei prevê que a multa pode ter o valor triplicado.

Segunda capital do país

Segundo Pedro Montenegro, Maceió é a segunda capital do país a adotar uma lei contra a homofobia (o Rio de Janeiro regulamentou lei similar no final do ano passado).

Montenegro explica que a secretaria vai receber as denúncias por meio do Conselho Municipal de Direitos Humanos e Segurança Comunitária. Segundo ele, o decreto determina a criação de uma estrutura para o recebimento das queixas. “Toda representação encaminhada ao conselho será analisada e, diante da sua veracidade, será enviada depois para a Superintendência Municipal de Controle do Convívio Urbano para que seja feita a notificação do estabelecimento infrator”, contou.

Mesmo sem equipes atuando na rua, o secretário avalia que a lei terá efeito prático e imediato na cidade. “Nenhum empresário vai querer ser advertido publicamente nem ter prejuízo financeiro”, disse o secretário, ressaltando ainda que um site será criado para receber as queixas de homofobia.

Grupo cobra fiscalização – Segundo o presidente do Grupo Gay de Alagoas, Teddy Marques, embora a lei não resolva os problemas da homofobia na capital alagoana, ela significa um avanço na luta contra o preconceito. Entretanto, ele reclama da falta de fiscalização e demora na regulamentação pelo Executivo. “Essa é uma lei de 1997 que só hoje foi regulamentada. O que vai faltar é fiscalização, ou seja: só vai funcionar com base em denúncia. Se ninguém denunciar, não haverá punição. Espero que denunciem e que essa lei não seja esquecida, e que exista, assim, punição aos que cometerem infração”, disse.

Teddy conta que denúncias de práticas homofóbicas são comuns em Maceió principalmente nas grandes lojas. “Quando percebem que se trata de um homossexual, eles [atendentes] tratam com preconceito. Todos os dias recebemos denúncias de homossexuais agredidos verbal ou fisicamente, além de humilhações”, ressaltou.

Para ele, a solução mais esperada pelo movimento LGBT (lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transgêneros) no país é a aprovação de uma lei federal que criminaliza a homofobia. “Ela já foi aprovada na Câmara e está tramitando no Senado. Ela é a solução esperada e que vai resolver muitos problemas”, explicou Teddy.


Fonte:http://www.jneweb.com.br/
Postado em 16 de outubro de 2009.

Líder cristão é assassinado na Somália



Assassinato foi atribuído a extremistas islÃmicos


A autoria do crime está sendo atribuída a extremistas islâmicos

Essa semana na Somália, militantes islâmicos mataram uma mulher que liderava um movimento cristão subterrâneo no país.

Fontes disseram à Compass que um líder da milícia islâmica extremista al Shabaab, em Juba Baixa, identificado apenas como Sheik Arbow matou a tiros Mariam Muhina Hussein, de 46 anos, no dia 28 de setembro às 2:00h, na vila Marerey, depois de descobrir que a mulher possuía seis Bíblias. Marerey está localizada a oito quilômetros de distância de Jilib, na região central de Juba.

Fontes locais disseram que no dia 27 de setembro, Arbow mandara sua esposa a casa de Mariam, uma somali bantu, para confirmar que a mulher possuía Bíblias. Fingindo interesse no cristianismo, a esposa do líder confirmou que Mariam possuía bíblias.

As fontes contaram que Mariam se rapidamente se prontificou a conversar sobre cristianismo com a esposa do líder e leu algumas passagens bíblicas para ela. Entretanto, quando a mulher pediu uma Bíblia, Mariam se retraiu.

“Mariam disse a mulher que poderia ser perigoso para ela e que preferia que ela a visitasse para que conversassem sobre a Bíblia”, contou uma fonte. “A mulher então foi embora e prometeu voltar”.

No dia seguinte, Arbow foi até a casa de Mariam e disse, de maneira amigável, que gostaria de verificar algo na Bíblia. A mulher só sabia que Arbow era da mesma etnia que a sua e que havia conhecido sua esposa na noite anterior então, inocentemente deu uma Bíblia ao homem, contaram as fontes.

“Logo depois, Arbow disse que sua missão era encontrar cristãos que maculavam o Islã”, contou uma fonte. “Depois disso, ela se calou. Arbow mandou que Mariam entregasse as outras Bíblias e assim ela o fez”.

Depois que a mulher as entregou, as fontes dizem que Arvow atirou três vezes em Mariam, que morreu na hora.

As Bíblias eram publicadas no idioma swadhili; além desta lingual franca da África Ocidental, os bantus de Baixa Juba também falam kiswahili.

Várias fontes em Nairobi e na Somália confirmaram à Compass o assassinato. As fontes permanecem anônimas por questões de segurança.

A morte de Mariam aconteceu poucas semanas depois de militantes rebeldes terem matado outro líder do movimento cristão somali por distribuírem bíblias. Radicais da Al shabaad mataram a tiros Omar Khalafe, de 69 anos, no dia 15 de setembro em um posto de controle a 10 quilômetros de Merca, uma fonte cristã revelou a Compass.

Acredita-se que a Al Shabaab possui ligações com terroristas da al Qaeda. A mílicia controla a maior parte do sul da Somália e outras areas da nação. Além de tentar depor o presidente Sheik Sharif e o governo transitório federal de Sheik Ahmed em Mogadishu, os militantes também querem impor a sharia (a lei islâmica).

Fontes revelaram que em agosto, extremistas da milícia al Shabaad mataram um homem a tiro na fronteira da Somália com o Quênia quando procuravam evidências de que ele teria se convertido ao cristianismo. Os extremistas mataram Ahmed Matan, de 41 anos, em Bulahawa, na Somália, no dia 18 de agosto.

No dia 20 de Julho, às 7:00h, em Mahadday Weyne, a 100 quilômetros ao norte de Mogadishu, capital da Somália, extremistas da al shabaad mataram Mohammed Sheik Abdiramam, outro cristão que se convertera do islamismo, uma testemunha ocular contou a Compass. Segundo informações, os extremistas também teriam decapitado sete cristãos no dia 10 de julho. Uma reportagem da Reuters declara que eles foram mortos em Baidoa por serem cristãos e “espiões”.

No dia 21 de fevereiro, extremistas degolaram dois rapazes na Somália porque seu pai, cristão, se negou a dizer informações sobre um líder da igreja. Segundo Musa Mohammed Yusuf, o pai, de 55 anos estava vivendo em um campo de refugiados no Quênia quando falou com a Compass.


Fonte:http://www.jneweb.com.br/
Postado em 16 de outubro de 2009.

Tribunal condena à morte mais seis pessoas envolvidas em ataques



Bebê uygure


CHINA (12º) - Outras seis pessoas foram condenadas à morte, acusadas de participarem dos ataques que aconteceram em Xinjiang, no mês de julho passado (saiba mais). No início desta semana, mais pessoas foram condenadas.
O Tribunal Civil de Urumqi determinou uma espera de dois anos na sentença de três dos condenados. No tribunal de 14 réus. Três receberam pena de prisão perpétua e cinco ficarão detidos por muitos anos.

No dia 5 de julho de 2009, demonstrações pacíficas de protestos pelos uigures em Urumqi causaram conflitos étnicos entre os muçulmanos e a população han. A polícia e o exército controlaram a tensão realizando centenas de prisões. Os uigures acusam os hans de os terem colonizado, e ocupado todas as posições nos negócios e na administração pública. Durante décadas a população uigur sofre com o controle militar, que cresceu muito nos últimos meses, como consequência dos ataques.

Os uigures que estão exilados condenam as sentenças de morte, alegando que são "a primeira execução em massa prometida pelo governo". De acordo com organizações internacionais de direitos humanos, Pequim possui uma alta soma de execuções em Xinjiang em apenas um ano.

Uma declaração feita pelo Congresso Mundial Uigur afirma que "eles esperam apenas que o mundo pare a China em sua repressão sangrenta ao povo uigur."

Há cerca de 500 cristãos dentre os dez milhões uigures chineses, que são predominantemente muçulmanos. Esse grupo reduzido sofre pressão de três lados: por parte de outras etnias, pois são uma minoria étnica; por parte dos muçulmanos uigures, pois são ex-muçulmanos; e por parte do governo, pois são cristãos.

Atualmente, há dois cristãos uigures presos pelo governo chinês, acusados de espionagem e traição. A Portas Abertas lançou uma campanha de Ações Institucionais em favor deles.


Fonte:http://www.portasabertas.org.br
Postado em 16 de outubro de 2009.

Nova lei restritiva sobre religiões



Culto numa Igreja Ortodoxa, Rússia


RÚSSIA (*) - O governo russo está estudando um ulterior endurecimento da já restritiva lei sobre religiões introduzida em 1997. O procedimento deseja, em síntese, proibir qualquer atividade missionária não autorizada pelo Estado com o objetivo de contrastar o proselitismo das seitas e dos grupos extremistas.

O novo texto – publicado no site do Ministério da Justiça russo – define pela primeira vez o termo “atividade missionária”. A mesma compreenderá qualquer atividade realizada por um ministro de culto fora das instituições oficiais da sua comunidade religiosa e dos lugares pré-determinados, como por exemplo, os cemitérios. Para desenvolver atividades religiosas nos hospitais será, ao invés, necessário obter uma autorização.

O procedimento estabelece ainda normas mais rígidas para a tutela dos menores, que poderão manter contatos com uma comunidade religiosa somente com a permissão dos seus tutores legais. Também o reconhecimento legal das comunidades religiosas, que na Rússia têm a obrigação de registrarem-se, será mais difícil.

Contra o projeto – refere a agência Kna – já se levantaram vozes críticas das comunidades protestantes e muçulmana na Rússia, enquanto tal procedimento foi acolhido de modo favorável pela Igreja ortodoxa. Segundo o Patriarca de Moscou, muitos cidadãos russos sentem-se importunados pela atividade de certos missionários e a nova lei preenche um vazio jurídico.

A atual “Lei sobre a liberdade de consciência e as associações religiosas” fora já objeto de protestos no passado, em particular da parte da Igreja Católica, que denunciara o caráter discriminatório e vexatório de algumas normas.


Fonte:http://www.portasabertas.org.br
Postado em 16 de outubro de 2009.

Menina cristã é agredida por professora




Crianças no acampamento em ruas de Islamabad

PAQUISTÃO (13º) - Uma estudante cristã em Punjab, Paquistão, estava em recuperação neste domingo, 11 de outubro, depois de ser agredida por uma professora com uma vara de bambu por declarar que ela era paquistanesa e cristã.

Nadia Iftikhar, de 11 anos, disse que ficou gravemente ferida quando a professora da escola “Futuro Brilhante”, na cidade de Dharema, ficou nervosa porque a aluna confrontou sua visão do islamismo.

“Nossa professora estava nos ensinando sobre a cultura do Paquistão e de seu povo, e citou uma frase do livro didático que dizia: ‘Somos paquistaneses e todos nós somos muçulmanos’”, relembra a menina. “Nesse momento, eu a interrompi e disse: ‘Senhor, eu também sou paquistanesa, mas não sou muçulmana. Sou cristã.”

Nadia conta que a professora, identificada como Humaira Hassa “ficou furiosa, pegou uma vara de bambu e começou a me agredir, dizendo que todos os paquistaneses são muçulmanos e que eu não era paquistanesa por ser cristã”. “Sua casa deve ser em algum lugar da Europa ou da América”, a professora dizia.

A adolescente mostrou as cicatrizes em suas costas. Os colegas de classe disseram que Nadia ficou inconsciente por um curto período de tempo e foi levada para casa.

O pai da menina, Iftikhar Masih, 45, disse que não foi até a polícia. “Eu sou um cristão pobre e trabalho muito para sustentar a minha família”. Cristãos locais na província de Punjab também reclamaram da cumplicidade da polícia nos ataques contra os cristãos.


“Eu levei minha filha ao médico e acreditamos que seus ferimentos sararão logo, e ela poderá voltar para a escola em breve.”


Não ficou claro se a menina será recebida novamente na escola “Futuro Brilhante”, onde estuda há quatro anos.

Fonte:http://www.portasabertas.org.br
Postado em 16 de outubro de 2009.

sábado, 10 de outubro de 2009

AGRADECIMENTOS



Dc. Mariano Siqueira


Graças a Deus!

Após experimentar tantas bênçãos e cuidados da parte de Deus durante a Semana Missionária, não podemos ter outra palavra a não ser gratidão. Primeiramente agradecemos a Deus que pelo Espírito Santo motivou, inspirou e usou tantas pessoas para que tudo fosse preparado a tempo, considerando que só a poucos dias do evento foi que conseguimos o dinheiro das camisas e patrocínios que custearam os cartazes, jornais e o banner.
Agradecemos também ao nosso Pastor Ricardo que demonstrou todo o seu apoio tanto no desenrolar quanto na culminância da Semana Missionária. Com o trabalho de muitos voluntários no dia da abertura, tudo se concretizou (ornamentação). Os preletores palestrantes, missionários e cantores foram grandemente usados por Deus para a realização dos seus santos propósitos durante aqueles dias. Louvamos também a Deus pela vida dos componentes de cada equipe que compôs a Feira Missionária, por seu trabalho duro na confecção de cartazes, ornamentação, estudo sistemático do conteúdo, pela disponibilidade de tempo e pelo sacrifício de cada um em orar e incentivar os visitantes a também orarem pelo seu país específico.
O clima foi agradável durante todo o tempo, facilitando o acesso e a permanência dos irmãos durante todo o evento. Em segundo lugar agradecemos a todos que direta ou indiretamente contribuíram para o agir de Deus em mais esta Semana Missionária. Sem a participação de cada um, nada do que foi planejado seria realizado. Mas como a Semana é apenas um momento especial do agir de Deus em nossas vidas para que continuemos diariamente nesta obra, queremos conclamar a todos a permanecerem orando e contribuindo.
Contamos com o agir de Deus, mas também com a ação de toda a Igreja, assim demonstramos a seriedade com que tratamos Missões que nada mais é do que a pregação do Evangelho a toda criatura, para que todo os que crerem e confessarem Jesus Cristo como Senhor sejam salvos.

DINAMI: Dia Nacional de Missões

DINAMI: Dia Nacional de Missões

Janela 10/40 O Maior Desafio Missionário da Atualidade.

Janela 10/40 O Maior Desafio Missionário da Atualidade.

Seguidores

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More